Em entrevista, Eduardo Leite confirma mais uma semana de bandeira preta – cachoeirinhaNEWS.net

cachoeirinhaNEWS.net

News

 Breaking News
  • VACINAÇÃO NESTA SEGUNDA-FEIRA, 26 🚨 ATENÇÃO: O intervalo entre primeira e segunda dose de AstraZeneca e Pfizer é de 12 semanas. 💉 ASTRAZENECA: ▪️Apenas segundas doses para quem está no prazo. 🏥Unidades: ESF Carlos...
  • VACINAÇÃO NESTA SEXTA-FEIRA, 23 ▪️ 33+ Público em geral ▪️18+ Caminhoneiros, pessoas com comorbidades ou deficiência permanente, profissionais da saúde, trabalhadores da educação, grupos anteriores que não receberam nenhuma vacina e quem já está...
  • VACINAÇÃO NESTA QUARTA-FEIRA, 21 Apenas segundas doses de AstraZeneca e Coronavac para quem já está no prazo. A aplicação de primeiras doses será retomada assim que chegarem novas remessas. 🏥 Unidades: ESF Carlos Wilkens,...
  • AUXÍLIO EMERGENCIAL: Os profissionais do esporte já podem fazer seu requerimento Para os trabalhadores da Cultura, o primeiro passo será realizar seu cadastro cultural. Os documentos devem ser entregues no Shopping do Vale. A prefeitura receberá até 29/07 os requerimentos dos...
  • VACINAÇÃO NESTA SEGUNDA-FEIRA, 19 Nesta segunda-feira, 19, a vacinação está aberta para o público em geral com mais de 35 anos, população acima de 18 anos dos seguintes grupos: caminhoneiros, pessoas com comorbidades ou...

Em entrevista, Eduardo Leite confirma mais uma semana de bandeira preta

Imagem/Reprodução

Em entrevista, Eduardo Leite confirma mais uma semana de bandeira preta
março 04
11:00 2021

Governador também ressaltou que poderão haver flexibilizações em algumas áreas

Anunciada há uma semana, a bandeira preta em todo o Rio Grande do Sul deverá ser mantida. Na ausência de previsão de os dados de contaminação e de ocupação da rede hospitalar recuarem, o caminho será seguir atuando nas restrições. Nesta quinta-feira, o governador tem reunião com o Gabinete de Crise, às 9h, para analisar os dados e tentar definir quais serão as próximas estratégias. Na sexta-feira passada, Leite não descartou a possibilidade de medidas mais restritivas, o que, inevitavelmente, irá gerar crises e pressões contrárias.

Em pronunciamento na semana passada, Leite não descartou a possibilidade de medidas mais restritivas

É verdade também que manter essas regras trará outros desafios, como a questão da fiscalização, que recaiu sobre os prefeitos, e a de sensibilizar a população, especialmente quando existem tantos conteúdos falsos e com informações equivocadas, que só dificultam a conscientização. Porém, os dados não deixam de ser alarmantes. Por exemplo, na quarta-feira, às 18h, a taxa de ocupação de leitos de UTI no Estado era de 100,09%. Há uma semana, quando Leite suspendeu a cogestão com prefeitos no Modelo de Distanciamento Controlado, o índice era de 91,9%. No detalhamento, a ocupação nas regiões Metropolitana, dos Vales e a da Serra ultrapassava a 100%.

Outro ponto é que, no balanço das hospitalizações desta quarta-feira, os pacientes de Covid-19 passaram gradativamente a ocupar leitos que, até então, vinham sendo ocupados por pacientes com outras enfermidades. Assim, ao longo dessa semana, a situação não deu sinais de que retrocederá. Ao contrário. Além do aumento no número de óbitos e a ocupação do sistema de saúde que extrapolou a capacidade, foram registradas transmissões comunitárias da variante de Manaus em Porto Alegre, a chamada P1, que tem se mostrado mais agressiva. 

Fonte: Correio do Povo

RECEBA NOTÍCIAS POR E-MAIL

Facebook – CachoeirinhaNEWS

Calendar

julho 2021
S T Q Q S S D
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  
%d blogueiros gostam disto: